Artigos

EUA têm redução nas exportações e aumento nos estoques

12 DE Dezembro de 2017

O relatório mensal de oferta e demanda divulgado há pouco pelo USDA reduziu a expectativa de exportação de soja dos EUA na temporada 2017/18. A projeção passou dos 61,2 milhões de toneladas de novembro para 60,6 milhões de toneladas. O volume ainda é superior aos 59,2 milhões de toneladas da temporada precedente, mas poderia ser mais alto, não fosse o forte ritmo das vendas do Brasil, que neste ano vem tomando ainda mais espaço dos EUA no mercado internacional.

Com a redução das exportações, a estimativa de estoques finais dos EUA subiu dos 11,6 milhões de toneladas do relatório passado para 12,1 milhões de toneladas, conforme esperava o mercado. A relação estoque/consumo é estimada em 10,3%, ante 7,1% na safra anterior.

Como é tradicional em dezembro, o USDA não mexeu na produção dos EUA, cujo número final será divulgado em janeiro.

EUA Oferta e Demanda de Soja

USDA/AGRURAL  Área em milhões de hectares, produtividade em sacas de 60 kg por hectare e demais itens em milhões de toneladas, exceto % e dias.

Sem alterações na América do Sul, por enquanto
No quadro mundial de soja, o USDA manteve inalteradas as projeções de produção do Brasil (108 milhões de toneladas), da Argentina (57 milhões) e do Paraguai (9,4 milhões de toneladas). A previsão de importação de soja pela China também não teve alterações e segue em 97 milhões de toneladas.

MUNDO Oferta e Demanda de Soja

USDA/AGRURAL  Em milhões de toneladas, exceto % e dias.

Veja Também