Artigos

Colheita da safrinha chega a 2,6% no Centro-Sul – PR tem alerta de geada

09 DE Junho de 2017

ext

A semana de tempo mais firme na maior parte do Centro-Sul do Brasil favoreceu o início da colheita da segunda safra de milho. Levantamento da AgRural mostra que 2,6% da área da região estava colhida até quinta-feira (08), em linha com os 3% do ano passado e ligeiramente acima do 1,6% da média de quatro anos.

Quem puxa o ritmo é Mato Grosso, que já colheu 6,6%. No médio-norte, onde a colheita começa a confirmar as expectativas de alta produtividade, lotes continuam saindo do campo com problemas de qualidade devido à chuva – muito embora as precipitações tenham se reduzido nos últimos dias. Em Sorriso, os problemas diminuíram, mas cargas chegaram aos armazéns com média de 9% de avariados.

No Paraná, poucas áreas estão prontas para colher na região oeste, primeira a plantar e a colher no estado. Apesar das chuvas recentes, ainda não há casos de perda de qualidade, mas o frio e a umidade podem favorecer o início da germinação do grão na espiga. Com cerca de 25% da área de milho em maturação fisiológica na região oeste, a geada leve prevista para os próximos dias pode limitar o potencial produtivo em áreas mais tardias. Não se espera, entretanto, que os eventuais danos resultem em redução significativa da produção brasileira de milho segunda safra, estimada pela AgRural em 67,1 milhões de toneladas.

Outros estados

Em Goiás, a colheita começou em áreas mais adiantadas do sudoeste, mas a movimentação deve aumentar só depois do dia 20. Em Minas Gerais, a colheita já começou, mas ainda é restrita a áreas mais adiantadas do Triângulo Mineiro. Mato Grosso do Sul e São Paulo ainda não têm movimento digno de nota.

MILHO 2a SAFRA  Colheita no Centro-Sul do Brasil

AGRURAL  Em % da área total estimada.

SÁBADO, 10/06  Previsão de Geada no Paraná

SIMEPAR

DOMINGO, 11/06  Previsão de Geada no Paraná

SIMEPAR

Veja Também

Política de Privacidade